Sistemas Operacionais - Discos

Disco magnético é o principal periférico de entrada e saída, sendo o periférico que mais influência na performance da máquina. Processador e memória não são considerados periféricos...

Pra escrita há uma tensão maior no cabeçote e pra ler menor... nanoamperes

Organizado em uma sequencia de trilhas que não se encostam, círculos concêntricos. Trilhas separadas por Gaps onde são gravadas informações de controle interno do HD.


Em termos físicos um HD pode ser dividido em:

- Setor: 512 bytes, unidades de tamanho fixo
- Cluster: menor unidade de alocação variando de 512bytes a 64kbytes, cluster pequeno torna o índice maior, cluster grande menor. Se usar HD pra arquivos grandes como filmes o melhor é usar cluster grande para diminuir o índice e melhorar a performance...
- Trilha: subdividida em setores
- Cilindro: conjunto das trilhas de mesmo número
- Face: lado do disco.

Formatação física: verifica setores com defeitos e monta uma tabela com setores defeiturosos que passam a ser ignorados pelo sistema, não sendo mais visível, deixa o HD menor mas evita erros de corromper arquivos etc. Eu usava um chamado MAXLLF no tempo que usava windows 98, bons tempos hehe.

A grande novidade nos últimos anos passou a usar o spin na vertical pra conseguir guardar mais informações, ocupar menos espaço, HD fica mais denso...

Métodos para localizar trilha, superfície e setor:
- LBA utiliza um único número para cada setor, setores númerados sequencialmente.
- CHS utiliza número da cabeça, cilindro e setor.

Desempenho do disco, envolve 3 tempos.
- Tempo de posicionamento, mover o cabeçote pra trilha, este é o tempo mais demorado. (seek time)
- Tempo de latência rotacional, rotacionar até o local com as informações.
- Tempo de transferência, fazer a leitura e transferir para memória.

Entrelaçamento (interleaving) serve para aumentar o desempenho, evitar latência rotacional, grava pulando alguns setores.

Escalonamento do disco é a organização das requisições de gravação buscando melhorar o desempenho. O mais fácil de implementar é o FIFO que também é um dos mais ruinzinhos em questão de performance. O algortimo de escalonamento do disco tenta minimizar o seek time, tempo de deslocamento do cabeçote.


** estou pensando em analisar este algoritmos de escalonamento de processador e HD para sistemas de produção, acho que podem auxiliar no sequenciamento etc.

RAID - conjunto de discos vistos pelo SO como um único HD.
RAID linear: 2 HDs vistos um só, um partição apenas com 2 discos, vai enchendo 1 HD, ao conseguir passa automaticamente a utilizar o outro. Não aumenta velocidade e não aumenta segurança, apenas permite aumentar discos físicos na unidade lógica.
RAID 0: Diminui a segurança e aumenta a velocidade. Ao gravar um arquivo ele grava metade em 1 HD e outra metade em outro, aumentando muito a velocidade mas, se um dos discos der pau perde tudo.
RAID 1: também chamado de espelhamento, fornece redundância dos dados aumentando muito a segurança mas perde um pouco da velocidade na gravação, na leitura deve ficar mais rápido visto que pode ler metade do arquivo em disco e outra metado no outro. Custo maior visto que dois HDs de 500 vistos pelo SO como 1 de 500.
RAID 5: precisa pelo menos 3 HDs, grava dados em 2 HDs e no terceiro apenas informações de paridade para permitir recuperar dados. Ganha velocidade por grava metade em cada disco (2 primeiros) e também aumenta segurança pela possibilidade de recuperar informações utilizando os dados de paridade. Tem a velocidade do RAID 0 e a segurança do RAID 1 com a vantagem de desperdiçar apenas 33% do espaço.
RAID 1+0: Combinação do RAID 0 com o RAID 1, precisa pelo menos 4 HDs. Primeiro aplica RAID 0 e depois faz o espelhamento, RAID 1.

RAID pode ser em Hardware (firmware) ou em software. Em hardware costuma ter melhor desempenho, a própria controladora do disco faz o processamento de cálculo de paridade, organização dos dados etc, já no software o processador faz tudo.  O RAID via hardware exige que os HDs tenham tamanho idênticos. RAID via software permite usar discos de tamanhos diferentes, mas usando partições de mesmo tamanho nos dois HDs.

Ibovespa Semanal 30/09/2011 11:53


No momento bem próximo a um suporte nos 52k, se fechar abaixo disso hoje acredito em mais quedas pra semana que vem, podendo buscar o suporte nos 48k de janeiro de 2009 e que respeitou em agosto de 2011.

Algumas frases famosas

A pior estratégia é não ter uma estratégia.

Para o sucesso é necessário ter o DEP! Disciplina, Estratégia e Paciência.

"As ações são o maior mecanismo de transferência de riqueza dos apressados aos tranquilos." (Warren Buffett)

“Não precisamos ser mais espertos que os outros; precisamos ser mais disciplinados do que os outros” Warren Buffett

A palavra "crise" em chinês é composta por dois ideogramas: o primeiro, símbolo do perigo; o segundo, da oportunidade.

"Existe apenas um lado do mercado e não é o do touro nem do urso, mas o lado certo." Jesse Livermore

"O pior erro que investidores cometem é realizar lucros muito rápido e prejuízos tarde demais." Michael Price - Mutural Shares Fund

Atenção
As informações contidas neste post são apenas estudos ou opiniões pessoais e não representam, de maneira alguma, recomendações de investimento, isentando a todos sobre qualquer responsabilidade resultante da tomada de decisão com base no conteúdo aqui apresentado. O investimento em ações é um investimento de risco e rentabilidade passada não é garantia de rentabilidade futura. Na realização de operações com derivativos existe a possibilidade de perdas superiores aos valores investidos, podendo resultar em significativas perdas patrimoniais.

Criação de um Sistema para Controle de Viagens no Delphi com Firebird Parte II

Olá pessoal, este tutorial é bem antigo e estava perdido aqui nos meus Rascunhos, acho que não tinha terminado ele, era pra ser a continuação deste que na verdade acabou sendo continuado por este. Era pra ser um passo a passo de como montar os cadastros da nossa aplicação para controle de Viagens no Delphi, mas foi feito apenas o início da parte dos menus... #FAIL mas algo sempre se aproveita, então, boa leitura.

Abra o Delphi e crie uma nova aplicação pelo menu File → New → VCL Forms Application – Delphi for Win32, o Delphi vai abrir um Form vazio pra começarmos a trabalhar, no Object Inspector vamos alterar as seguintes propriedades deste form:

Name: FrmPrincipal
Caption: Controle de Viagens
WindowState: wsMaximized

Clique dentro do form e pressione CTRL+ALT+P, digite TMainMenu e pressione ENTER. O atalho serve para começar a filtrar os componentes da Tool Palette do lado esquerdo, note que enquanto você digitava os componentes vão sendo filtrados até sobrar apenas um, com o ENTER ele foi automaticamente inserido no formulário principal.

Este componente serve para montarmos o nosso menu, de um duplo clique nele, será aberto um novo form em branco com um menu vazio selecionado, no Object Inspector vamos procurar a propriedade Caption e digitar "Arquivo", note que vai aparecer um menu "Arquivo" no formulário, clicando em Arquivo ele abre um menu suspenso para baixo onde podem ser cadastrados mais menus, selecione um espaço em branco logo abaixo de "Arquivo" no menu e preencha a propriedade Caption como "Sair", depois vá na aba Events do Object Inspector, então dê um duplo clique no evento OnClick, o Delphi vai sair do modo Design e vai para o Code, ou código, digite a seguinte instrução para fechar a aplicação quando clicado neste menu (Sair):

procedure TFRMPRINCIPAL.Sair1Click(Sender: TObject);
begin
  Close;
end;

Agora pressione F12 para voltar para o modo Design, esta é a tecla de atalho pra alterar entre Design e Code. Bom, agora você já sabe como criar mais menus e adicionar eventos para eles, crie um menu ao lado de "Arquivo" chamado de "Manutenções" e dentro dele (menu suspenso para baixo) crie os seguintes subMenus: Cidades, Pontos Turísticos, Passageiros, Guias, Veículos e Viagens. Se quiser ainda pode criar mais um menu ao lado deste para "Ajuda" sobre o sistema mas isso vai de cada um, documentar sempre é importante, se for distribuir o sistema também é importante colocar um "Sobre" com dados para contato em caso de dúvida ou coisa assim.

Bom, temos a estrutura do nosso menu pronta, agora precisamos criar os formulários de manutenção dos dados e adicionar uma instrução no evento OnClick dos menus que vai exibir este formulários, veremos isto mais adiante.

Com o início da aplicação ok vamos salvar nossa aplicação, como é a primeira vez temos que ir no menu File → Save Project As... para que seja salvo um projeto com executável e tudo o mais, caso contrário o Delphi salvará apenas o formulário o que nos trará alguns problemas mais adiante, este procedimento deve ser feito na primeira vez que vamos salvar, depois um CTRL+S serve pra nós, continuando, ao clicar em Save Project As... o Delphi abriu uma janela pedindo local e nome do arquivo da Unit1, utilize a mesma pasta que já tem o diagrama e tudo mais, renomeie para UntPrincipal e clique em Salvar, agora ele vai abrir uma nova janela para salvar o Projeto, de o nome de CONTROLEDEVIAGENS ou algo assim e clique em Salvar.

Sistemas Operacionais - Anotações de 23/09/2011

Princípios básicos de hardware

- Periférico é um dispositivo conectado a um computador de forma a possbilitar sua interação com o mundo externo.
- Os periféricos são conectados ao computador através de um componente de hardware denominado de interface.
- As interfaces são interconectadas aos barramentos internos de um computador, elemento chave na coordenação da transferência de dados.
- Interfaces se utilizam de um processador dedicado a realização e controle das operações de entrada e saída, são as controladoras.
- Driver é um software que permite/explica ao sistema operacional se comunicar com cada periférico através dos comandos das controladores.

*** O computador de verdade é o processador, todo o resto é periférico, interno ou externo, conectado de alguma forma com o processador.

Retângulos cinzas são controladores



 * Classificados como:

- Orientado a caracter: cada caracter causa uma ação no dispositivo, exemplo teclado e interface serial.
- Orientado a bloco: bloco de caracteres, exemplo disco, fitas DAT.

 * Classificados também como:

- Com usuário
- Eletrônicos
- Remotos

Os periféricos possuem características próprias como taxa de transferência de dados, complexidade de controle, unidade de transferência (caracter, bloco ou stream), representação de dados e tratamento de erros.

 * Tipo de conexão e transferência de dados

- Serial: bit a bit, uma linha de transferência
- Paralela: n x 8 bits, mais de uma linha de transferência

O sistema operacional interage com os periféricos pela controladora, escrevendo nas memórias próprias do periférico os comandos dizendo o que precisa, estas memórias são chamadas de registradores de configuração. O SO sabe quais comandos pode executar nos registradores através dos drivers.

Os registradores de configuração das controladoras recebem ordens do processador, fornecem estados de operação e fazem a leitura e escrita de dados do periférico. Registradores são vistos pelo SO como posições de memória "a parte", quando o SO vai interagir ele grava os comandos no endereço de memória do registrador. Dependendo do tipo de controladora pode fazer mapeamento em memória, com comandos iguais aos utilizados para mapear RAM, outros tem uma mapeamento de entrada e saída que utiliza alguns comandos diferentes.

 * E/S programada

É mais simples de implementar, mais leve, mas tem busy waiting, enquanto as controladoras estão ocupadas o processador fica esperando elas terminarem para então passar ao próximo tarefa.

 * E/S orientada a interrupção

Processa outras tarefas enquanto aguarda a controladora terminar sua atividade, é avisado via interrupções.

 * DMA - Acesso direto a memória

É uma maneira de diminuir o número de interrupções, fazendo isso após executar uma gama de comandos como a leitura de vários blocos em um HD, no normal faz uma interrupção a cada bloco lido.

Gerência de entrada e saída

Tem como objetivo a eficiência, generacidade é importante, esconder os detalhes do serviço de entrada e saída em camadas de baixo nível, ...

*** Os driver são instalados na camada do sistema operacional, podemos dizer que é o manual que o SO olha pra saber como usar as controladoras, e os drivers possuem direitos de execução administrativos (são inseridos no kernel) podendo causar panes nos sistemas quando mal desenvolvidos. Placas de vídeos tem alguns fabricantes alternativos que visam tirar mais das placas e lançam versões de driver não oficiais e esculhambam o sistema. O ideal é utilizar drivers homologados pelo fabricante do sistema operacional além da homologação do desenvolvedor do periférico.

 * Subsitema de entrada e saída

É aquela porção do núcleo do SO que controla a parte independente e interage com o driver de dispositivo.



Tem como funcionalidades básicas:

- Escalonamento de E/S:
- Bufferização:
- Cache:
- Spooling:
- Reserva de dispositivos:

*** Buffer armazena somente dados somente enquanto está utilizando e já libera memória, cache mantém os dados enquanto houver memória disponível, quando acaba vai liberando os dados mais antigos a medida que necessita de mais.

 * Interface de programação

- Bloqueante:
- Não bloqueante:
- Assíncrono:

... continua próxima aula ...

### Aula que vem acaba capítulo 5 e teremos uma revisão, na outra semana jé é prova. Pra prova pode levar uma folha A4 com anotações feitas a mão para consulta.

Ótimas Pescarias

Final de semana chegando, pra acabar com o stress da semana o bom é ir pescar e dar muitas risadas, segue o vídeo pra você ir entrando no clima!


Bom final de semana!

Utilizando o Solver Excel para Programação Fina

Em Sistemas de Produção estamos estudando muitas coisas bem legais, algumas realmente complexas e, por isso mesmo, bastante divertidas. Entre elas, depois de ver MRP, Plano Agregado, MRP II, agora estamos estudando Sequenciamento ou Programação Fina, que é a definição de qual a melhor sequencia de produção ou de utilização das máquinas conforme alguns critérios como tempo médio de atraso na entrega.

Bom, voltando ao assunto do título do post, pra distribuir tarefas de modo a minimizar o tempo total de execução podemos utilizar um complemento do Excel chamado Solver, para instalar clique no botão do Office bem no topo esquerdo e clique em Opções do Excel, vai abrir a seguinte janela.

Opções do Excel -> Suplementos -> Solver -> Ir

Marcou Solver, clicar em Ok e aguardar a instalação.

Bom, com o complemento instalado, ele vai aparecer na aba Dados -> Análise -> Solver. Antes de utilizarmos o Solver precisamos montar uma estrutura no Excel para resolvermos nosso problema, digamos que a matriz abaixo mostra os custos em milhares de dólares na atribuição de trabalhos aos indivíduos A, B, C e D para as tarefas 1, 2, 3 e 4 e nós queremos descobrir qual a melhor atribuição final para minimizar os custos.

Custos em milhares

Cada indivíduo vai fazer um trabalho (apenas 1 por linha) e cada trabalho deve ser feito somente uma vez (apenas 1 por coluna), essa são nossas restrições. Vamos começar por ai, crie duas matrizes novas do mesmo tamanho dessa inicial (4x4), deixe uma em branco e na outra crie as restrições conforme imagem abaixo. Para criar as restrições utilize a função do Excel SOMARPRODUTO que faz a multiplicação e adição dos valores nas linhas das matrizes selecionadas.

Crie restrições na linha e na coluna!
Após ter definido as restrições, precisa fazer isso pra usar o Solver, utilize a mesma função SOMARPRODUTO mas desta vez para nossa "função Objetivo", selecione a matriz inicial com os custos e também a que está vazia, deve ficar zero. Salve a planilha Excel.

Função objetivo, vai nos dizer o custo final
Agora vamos achar a solução para este problema com o Solver, clique em Solver na aba Dados, na janela que abrir, defina a célula de destino a célula que temos o resultado do somarProduto ao lado de "Função Objetivo" e marque "Igual a " * Mín. Nas células variáveis selecione a matriz em branco, que é onde o Solver vai preencher para nós de maneira que tenhamos o mínimo de custo.

Agora vamos configurar as restrições no Solver, para isso clique no botão "Adicionar", na janela que abrir selecione as restrições conforme figura abaixo.

Executar cada tarefa apenas uma vez e cada pessoa executar uma tarefa.
Também os valores que serão preenchidos devem ser binários, apenas 0 ou 1.

Após adicionar as restrições, clique em Opções na janela do Solver e marque a opção "Presumir modelo linear" para resolver este tipo de problema.

Dependendo do tamanho da matriz é interessante diminuir a precisão e aumentar a tolerância, as vezes vai levar muito tempo pra processar tudo ou vai travar o Excel, uma dica, salve tudo antes de executar o Solver.
Bom, Solver deve ter ficado assim:

Parâmetros do Solver
Agora basta clicar em Resolver e rezar pra não dar pau no Excel, pra mim ele ainda não conseguiu ir até o fim, mas ai clico em "Manter solução do solver" e consigo ver o que ele conseguiu fazer pra mim.


Bom, meu resultado final foi 17 milhões, veja planilha.

Resultados
Bem, pode notar que ele respeitou as restrições e conseguiu chegar a um resultado minizando os custos, fazer com apenas 4 indivíduos e 4 trabalhos eu até me arriscava fazer no olho, mas imagina fazer algo com 100 máquinas e 100 trabalhos, ai melhor usar o Solver mesmo!

Depois de ler A Meta, Corrente Crítica e estar estudando essa cadeira de Sistemas de Produção estou gostando desse tipo de sistema, acho que vale a pena desenvolver algo na área, talvez com IA, idéias pro meu TCC ano que vem, alguma sugestão?

Abraços!

Dicas Computação Gráfica - Luz


Anotações durante atividades da aula de hoje...

Para fazer uma luz ter menos intensidade você seleciona ela, vai ao lado direito a modificar e clica no quadrado branco que tem na aba intensidade, vai abrir pra selecionar a cor da luz, ai coloca mais escuro pra ela ficar mais fraca.


Para o ambiente ficar com uma aparência mais real vai no menu Rendering->Environment (8), na janela que abrir, em Athmosfere você clica em Add -> Volume Light, logo abaixo em Volume Light Parameters clique no botão PickLight e selecione a sua luz tipo target, meu caso Spot01.


Para tirar a sombra de uma luz em um objeto, selecione a luz e vá em modificar, clique em Exclude.., na janela que abrir basta passar para lista de exclusão os objetos desejados.


Pra gerar um vídeo, pressione F10 ou vá ao menu Rendering -> Render Setup e na janela que abrir, marque os frames que quer gerar o vídeo, mais abaixo selecione Save File em Render Output, clique em Files para selecionar local e nome arquivo, também selecione o tipo de arquivo para AVI a pode alterar a compressão em Setup. Feito isso só clicar em Render. Vai gerar o video da visão que você estava trabalhando, mas também pode selecionar uma camera ou outra visão antes de renderizar.


 E abaixo o video que gerei...


Gráfico Semanal do Indice Bovespa

Ibovespa Semanal | Fonte: XP Pro

Dica de Impressora PDF Grátis e Leve

Esta semana precisei instalar uma impressora PDF, software que simula uma impressora no computador mas na verdade gera um arquivo do tipo PDF, e tentei instalar o CutePDF, mas infelizmente ele não funcionou aqui no meu Windows 7 e ainda me instalou aquelas barras no navegador que só servem para ocupar espaço (não recomendo este CutePDF), então dei mais uma pesquisada rápida e encontrei o doPDF, simples e rápido faz o que promete e não fica tentando instalar um monte de outras porcarias.

Segundo Baixaki (2011): doPDF é um software muito pequeno com o objetivo de criar documentos PDF para os seus principais arquivos, sejam eles textos, apresentações do PowerPoint, trabalhos realizados em aplicativos para escritórios, websites e demais arquivos. Ocupando um espaço minúsculo no computador, tudo o que o usuário tem que fazer é tentar imprimir o documento desejado, selecionando uma impressora virtual que na verdade vai converter tal arquivo para o formato portátil PDF.

Você pode fazer o download do software pelo Baixaki mesmo, ir para o download!

Dica de Leitor PDF Grátis

Dica de softwares grátis, bom e leve, sugiro que utilize como leitor de PDF o STDU Viewer, segundo Baixaki: ele é compatível com os formatos DjVu, PDF e TIFF, o STDU Viewer pode ajudar em consultas a trabalhos científicos, uma vez que estes formatos são os mais utilizados para a publicação desse tipo de texto, destinado a documentação técnica e científica.

Já utilizo ele a bastante tempo e não tenho do que reclamar, funciona muito bem, tem todas as funcionalidades que eu costumo utilizar como tela cheia para apresentações, selecionar e copiar parte de texto, fazer buscas, selecionar imagens e extrair imagens do PDF, também salva a página que você estava lendo para quando abrir o arquivo novamente continuar de onde parou (File->Sessions) o que é muito útil na leitura de grandes ebooks, entre outras.

Fica a dica, pode fazer o download gratuito no Baixaki.

Guinther Pauli: Treinando o país – Três de Maio – RS

Pesquisando sobre mim no Google achei um post antigo do Guinter Pauli, que deu um treinamento sobre desenvolvimento Web com ASP.NET 3.5 e Visual Studio 2008 utilizando a linguagem C#, sempre acho divertido rever estas fotos antigas.

Foco no visual da época, eu bem na esquerda e o Volnei bem na direita [os nene]


Guinther Pauli: Treinando o país – Três de Maio – RS: Em novembro estive em Três de Maio no Rio Grande do Sul, cidade próxima a minha cidade atual (Santa Maria), para ministrar um importante tre...

Dicas para assistir filmes, colocar legenda e juntar partes!

Este é o post All-in-One, várias dicas em um único post para você que quer aprender olhar filmes de graça fazendo download da Internet.

Como baixar os filmes?

Primeiramente, recomendo que você instale o JDownloader que vai facilitar a sua vida pois com ele você pode parar seu download hoje e continuar de onde parou amanhã (controle da session), também ajuda em sites como MegaUpload/RapidShare pois ele tenta descobrir o captcha automaticamente e você não precisa ficar digitando isso pra baixar, entre outras funcionalidades. Clique no link abaixo pra fazer o download do JDownloader, precisa do Java.


Bom, baixado e instalado o JDownloader, você vai pesquisar o nome do filme no Google, o ideal é que você pesquise por "baixar download NomeDoFilme" para listar apenas os sites de download. Entrando nos sites você terá várias opções pra baixar e a maioria destes sites tem protetores de links chatos, pode usar o desprotetor de links aqui da casa ou pelo site desprotetordelinks.com.br, em todo caso você vai precisar dar um clique com o botão direito do mouse sobre os links e copiar eles para memória, toda vez que você copiar um link ele vai aparecer no JDownloader e este já vai verificar se ele está online, funcionando, se estiver, você já pode iniciar o download e apenas aguardar terminar para poder assistir, dependendo da sua internet isso pode levar muitas horas.

Como assistir os filmes?

Basta abrir em algum player de vídeo, gosto bastante do Media Player Classic que roda praticamente todos os formatos pois vem com um pacote de codecs bem completo, também gosto do VLC, você pode baixá-los clicando nos links abaixo:
Como colocar a legenda?

Para colocar a legenda basta renomear o arquivo .SRT com o mesmo nome do arquivo .AVI .RMVB, exemplo: Se o nome do arquivo do filme for Maos_Talentosas.avi, quando você baixar a legenda renomeia ela para Maos_Talentosas.srt, abra o Media Player Classic novamente e a legenda será carregada automaticamente, caso contrário, talvez o seu player tenha algum problema pesquise no Google sobre a solução, tente outra legenda ou outro reprodutor como o VLC.

Como juntar arquivos?

Dica do site de downloads http://www.filmesparadownloads.com/como-juntar-arquivos/: as vezes quando fazemos o download de algum arquivo muito grande, filmes e seriados normalmente, os arquivos tem extensão diferente, como: filme.avi.001 filme.avi.002 ou seriado.hdtv-lol.avi.001 seriado.hdtv-lol.avi.002

O que acontece com esses arquivos é quem os colocou na internet usou um programa chamado HJsplit, com esse programa é possível dividir um video em partes por isso vemos o .001 .002 .003 .004 e assim vai até completar o tamanho do arquivo geralmente cada parte fica com 100MB.

Esse mesmo programa também junta videos dividos em um só tornando os arquivos .avi.001 em um só .avi, caso você tenha feito download utilizado o JDownloader é provável que ele junte automaticamente as partes assim que terminar de baixar todas.

Você pode baixar HJsplit clicando no link abaixo:

Eis uma video-aula do HJsplit.


Bem, espero que tenha ajudado a você que teve a coragem de pesquisar no Google como realizar estas tarefas, a maioria estaria chamando algum parente distante com fama de Hacker (sabe pesquisar no Google) para lhe ensinar... Abraços

O Prazer de Guardar Dinheiro

Último a Sair - Cogumelos Loucos

Este é um programa tipo BBB que rola em Portugal, foi louco.



Como diria o Ventania: Louco louco louco melo muito louco louco melo cogumelos azuis.... Mas eu não sou daqui, sou de outro planeta eu gosto é de cogumelo ... Eu não sou daqui, sou de outro planeta eu gosto de cogumelo...